Minha imagem!

06 fevereiro 2019

Horizon Zero Dawn: Um jogo de muitas reviravoltas e ensinamentos

Hj é dia de JOGO!
Yoo minhas raposinhas sensuais, tudo melzinho na chupeta!? Hoje resolvi iniciar a introdução desse post com uma pseudo-frustração otaqueira, pois recentemente descobri que a Panini já tinha lançado faziam décadas os mangás do meu xodó Psycho-Pass e eu PERDI A CHANCE DE COMPRAR AS DESGRAÇAS DOS VOLUMES... Ok, vocês devem estar pensando "mas hina é só comprar pela internet!", sim, só comprar pela internet E VENDER UM DOS MEUS RINS PRA PAGAR AQUELE FRETE DESGRAÇADO, POIS EU MORO NO FIM DO MUNDO. Porém, por mais ferrado que otaku seja, ainda temos nossos dias de glória e felizmente eu tive o meu dia glorioso ao achar aleatoriamente numa banquinha da praia DOIS FUCKING VOLUMES DE PSYCHO PASS! (mais em específico o volume 2 e 6... Fora de ordem, mas já deu pra aquecer meu coraçauzinho), então nem tudo está perdido. Entretanto, encerrarei aqui os assuntos otaqueiros, pois o post de hoje foge um pouco dessa temática. Hoje é dia de resenha, porém não resenha de um anime ou mangá, mas sim, resenha de um JOGO, mais específico um Jogo exclusivo do PS4 que me surpreendeu de maneiras nunca surpreendidas antes, HOJE É DIA DE ENALTECER HORIZON: ZERO DAWN!